o-que-e-link-building

O que é Link Building e Qual sua Relação com o SEO?

Link Building é o conjunto de estratégias com o objetivo de criar uma rede de links internos e externos em seu artigo. Estes links direcionam o leitor a conteúdos relevantes e de qualidade, que conferem autoridade ao seu conteúdo. Por isso, a relação do link building com o SEO é muito importante.

Ao ler um certo conteúdo em um site, é comum que você se depare com algumas palavras destacadas e clicáveis, que te levam para outros sites com conteúdos relacionados à palavra que você clicou. O conjunto desses links é o que chamamos de link building.

Eles são muito importantes para o conteúdo, pois trazem diversas vantagens e informações adicionais. Por isso, são parte essencial das técnicas de SEO, e impactam de forma direta no ranqueamento de seu site nos sites de pesquisa como o Google.

Quer saber mais sobre o que é link building? A Opti te ajuda com todos os detalhes que você precisa saber! Fique conosco até o final e boa leitura.

o-que-e-link-building

Link Building é o conjunto de links internos e externos dentro de um texto ou artigo que formam uma rede. Eles aumentam o tráfego de sua página e direcionam o seu leitor a conteúdos relevantes e de qualidade, que conferem autoridade ao seu conteúdo e ao seu site. Por isso, são uma parte importante da sua estratégia de Marketing Digital.

Em geral, quando se fala em link building, os mais comuns e primeiros que vêm à cabeça são os links externos, também chamados de backlinks ou de inbound links. Eles nada mais são do que links que te levam para outros sites, que não seja o seu.

Criar uma rede de links em seu conteúdo é uma ótima maneira de mostrar a qualidade dele para o Google. Ou seja, o link building mostra aos indicadores do Google que você possui autoridade no assunto sobre o qual se trata, e isso te ajuda a conseguir posições melhores nos rankings de pesquisa da plataforma!

Links internos são aqueles que direcionam o leitor a um conteúdo ou site de seu próprio domínio.

Ou seja, são aqueles que levam o seu visitante a outro artigo que você produziu que pode ser relevante e ajudar a compreender mais a fundo alguns processos.

Como vimos antes, os links externos são aqueles que levam o leitor para um domínio que não seja o seu. Ou seja, para outros sites e conteúdos que não foram produzidos por você!

O Link Building é uma das principais técnicas de SEO, que tem o objetivo de aumentar o seu ranqueamento no Google. Ou seja, o SEO são estratégias para fazer com que sua página apareça no topo dos resultados de pesquisa do Google.

Para fazer esse ranqueamento, o Google possui os chamados Googlebots, que avaliam os melhores sites e conteúdos para colocá-los no topo das pesquisas. 

Então, esses bots visitam o seu domínio comparam a sua produção com a de outros sites com a mesma palavra-chave, e decidem qual o melhor!

Assim, os Googlebots visitam os sites que você inseriu como link em seu conteúdo e verificam se eles são citados em outros conteúdos e se podem ser considerados boas referências! 

Quanto melhor for a credibilidade dos seus links externos, maior vai ser sua credibilidade perante os Googlebots, e maior vai ser o seu ranqueamento nos resultados de pesquisa pela sua palavra-chave.

Link Building e SEO Off-page não são sinônimos, e se tratam de conceitos diferentes que não devem ser tratados como iguais.

O SEO off-page são as técnicas de otimização dos motores de busca que são feitas fora de seu site e domínio.

Já o Link Building é a construção de uma rede de links ao longo de seu conteúdo que fortalece a autoridade e credibilidade de sua página perante os sites de busca.

Ou seja, o link building é apenas uma parte do SEO off-page! Contudo, ao criar sua rede de link building, é preciso pensar tanto no SEO off-page quanto no on-page.

Para decidir quais links são melhores e quais não dão tanta credibilidade ao seu conteúdo, o Google analisa e avalia a rede de links em seu texto – ou seja, o Google avalia o seu Link Building.

Os principais fatores que a plataforma avalia são:

O Google avalia todos os links internos e externos utilizados em seu texto. Cada um deles é submetido a uma análise maior para verificar sua credibilidade, contexto, acessibilidade e muito mais!

A quantidade de links é um fator que o Google leva em consideração, e não existe um limite ou um mínimo a ser seguido.

A inserção de links não deve ser exagerada, mas também não deve ser escassa. O recomendável é cerca de 3 links a cada 500 palavras!

Além disso, quantidade não significa qualidade. Não é porque você inseriu diversos links em seu conteúdo que eles serão relevantes para o seu leitor ou de um bom site externo a ser linkado!

Os links inseridos em seu conteúdo devem ser de sites e de conteúdos de qualidade! Assim, quanto maior a qualidade dos links que você inserir, maior vai ser a qualidade atribuída ao seu conteúdo e ao seu site.

Links seguros, com certificados de segurança, de conteúdo de qualidade são considerados links confiáveis!

Trazer uma diversidade de links em seu conteúdo garante um bom olhar pelos Googlebots. 

Ou seja, quanto mais links de domínios diferentes e variados seu texto tiver, mais autoridade ele irá receber e melhor os Googlebots irão julgar ele.

O Google também avalia os contextos nos quais os seus links foram inseridos. Ou seja, não adianta inserir um link apenas por inserir – ele deve estar coeso dentro de seu conteúdo. 

Links que direcionam o seu leitor a sites relacionados ao seu conteúdo e à área que você atua são considerados mais valiosos, porque fazem sentido para o público que visita seu site.

Além disso, as palavras que aparecem ao redor do link também importam! Elas são importantes para ajudar o Googlebot a entender o tema da sua página e se aquele link faz sentido no contexto inserido.

Ainda, os links próximos uns dos outros têm impacto mútuo. Quanto maior a qualidade deles, mais relevância seu conteúdo e sua página ganham.

E, por último mas não menos importante, a posição do seu link no texto também é um critério que os Googlebots avaliam. Se ele se encontra nas partes principais do texto e nos inícios de frase, eles possuem um valor e impacto maiores.

Contudo, caso fiquem no rodapé ou nos finais das frases, eles já não são considerados tão valiosos pois são mais fáceis de escapar ao leitor.

Para traçar sua estratégia de link building, você precisa manter em mente os métodos de avaliação feitos pelo Google. Assim, você será capaz de produzir os melhores conteúdos com os melhores links, e alcançar o topo dos resultados de pesquisa do Google.

Algumas técnicas são ideais e, em geral, funcionam. Mas vale lembrar que você pode traçar a sua própria e que melhor funciona para sua empresa. Para te dar o ponto de partida, a Opti separou algumas táticas para você!

Crie atrativos linkáveis em seu conteúdo

As palavras não são as únicas em seu texto que podem trazer um link. Trazer recursos que chamem a atenção visual de seu leitor e carregue um link consigo já vale!

Este tipo de conteúdo se destaca pois, além de ser um diferencial no visual que chama a atenção, ele também tem um alto potencial de compartilhamento e acessos!

Alguns exemplos de conteúdos linkáveis que podem ser criados são:

  • Guias;
  • Listas;
  • Infográficos;
  • Ebooks;
  • Conteúdos que interagem com o leitor;
  • Etc.

Assim, seu visitante se vê engajado com seu conteúdo produzido e tem mais chances de clicar, e utilizar o link de fato!

Busque parceiros 

Você não tem que se preocupar em fazer tudo sozinho, afinal, encontrar parceiros que te ajudem pode ser uma ótima técnica de link building.

Afinal, assim como você pode adicionar links de outras páginas e domínios ao seu texto, o seu conteúdo fica exposto para que outros sites te usem como link! 

Mas você sabe como encontrar os melhores parceiros na hora de traçar sua técnica de backlink?

Não pense baixo: tente encontrar parceiros com maior credibilidade e autoridade no Google. Assim, domínios que possuem uma maior confiança da plataforma são sempre os mais recomendáveis para fazer uma parceria.

Além disso, sites que produzem conteúdo de qualidade e que estão relacionados à sua área – afinal, o público-alvo similar aumenta o seu alcance!

Geralmente, os melhores parceiros são sempre aqueles que estão entre os primeiros resultados de pesquisa da Google. Por isso, mire no topo!

Pense em Co-Marketing

O Co-marketing é a etapa seguinte ao encontro de parceiros. Depois de um primeiro contato e aproximação, vocês podem começar a planejar melhor as estratégias para gerar mais backlinks.

Em geral, o Co-Marketing é a união de sua empresa com outras para a criação de materiais em parceria. Assim, ambos os lados podem promover o conteúdo produzido e os links para as páginas de cada um!

Considere o Guest Posting

Assim como o Co-Marketing, o Guest Posting é uma estratégia que pode ser uma alternativa a ele, logo após a etapa de formação de parcerias.

O Guest POsting acontece quando você convida alguém para produzir um certo conteúdo para a sua página. Assim, em troca, você concorda em inserir um maior número de links de saída que levam o leitor até o site dele, ou vice-versa!

Dessa maneira, o convidado transmite autoridade para o seu conteúdo e domínio, e você colabora com o aumento de tráfego da página dele.

Tráfego pago e tráfego orgânico

Como as pessoas chegam até o seu conteúdo ou até a sua página? Através das pesquisas no Google ou por meio de anúncios na plataforma ou em outros sites?

O tráfego diz respeito às pessoas que visitam o seu site em um determinado período de tempo. Ele pode ser pago ou orgânico, e um não anula o outro, de forma que as empresas podem investir em ambos os tipos.

Tráfego pago é todo visitante que chega até o seu domínio através de um anúncio que você pagou para ser colocado, seja ele no Google ou em outras páginas. Ou seja, são links pagos pelos quais seu visitante te encontrou.

Já o tráfego orgânico é todo visitante que chegou até o seu site através de pesquisas do Google. Ou seja, ele chegou de forma “natural”, sem depender de anúncios ou qualquer outro meio que envolva dinheiro.

Investir em ambos é uma boa estratégia para a sua empresa, pois os dois possuem vantagens diferentes. 

O tráfego pago pode ser direcionado, de forma a ser disponibilizado em páginas e plataformas com uma maior taxa de presença do seu público-alvo, o que atrai um maior número de pessoas. 

Já o orgânico significa que as pessoas estão encontrando o seu conteúdo, de modo que ele pode estar bem posicionado nas pesquisas e atrair pessoas novas e diferentes!

Uma das principais características de seu post é a palavra-chave, aquela que irá atrair tráfego e fazer com que as pessoas te encontrem. Mas como saber que a palavra chave que você pretende utilizar em um determinado conteúdo é adequada ou relevante?

Pensando nisso, a Opti está aqui para te ajudar! Com a busca e análise das melhores e mais relevantes palavras-chave, você tem acesso a uma lista com todas elas para escolher a melhor para seu conteúdo!

Além disso, a Opti também faz o monitoramento automático da SERP e análise de SEO avançada para estratégias em Marketing de Conteúdo. Tudo isso para alavancar o seu negócio e te oferecer os melhores resultados para sua marca e empresa!

Vai ficar de fora dessa? Venha descobrir o que mais a Opti pode fazer por você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.