O que é Google Knowledge Graph? Como funciona e sua política

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O que é o Google Knowledge Graph? É um sistema de banco de dados semântico criado pelo buscador que beneficia os usuários e os mecanismos de pesquisa. Assim, os usuários recebem resultados de pesquisa mais pertinentes e os buscadores obtêm mais tráfego para conteúdo valioso. Mas como funciona Google Knowledge Graph?

O Google Knowledge Graph foi lançado pelo Google em maio de 2012 como parte de um esforço do buscasdor para oferecer informações mais relevantes e úteis às consultas dos usuários, visando melhorar os resultados de pesquisa em seu mecanismo de busca.

Por isso, foi projetado para descobrir como as palavras-chave em uma pesquisa se relacionam entre si, criando uma rede de conhecimento interconectada que coleta informações de várias fontes confiáveis. Por exemplo, a Freebase, a Wikipedia, o Wikidata e muitas outras bases de dados estruturadas.

Assim, para te manter por dentro do assunto, a Opti preparou esse conteúdo completo sobre o que é Google Knowledge Graph. Fique conosco até o final e boa leitura.

o que e google knowledge graph

O que é Google Knowledge Graph?

O Knowledge Graph, conforme as diretrizes do Google, é uma coleção de informações geradas automaticamente de várias fontes e apresentadas em um layout visual que lembra os resultados mais recentes do rich results. Trata-se, portanto, de uma rede de informações que o Google usa para melhorar os resultados de sua pesquisa.

Então, esta base de dados coleta e conecta dados de toda a Internet para oferecer informações pertinentes aos usuários sempre que possível. Assim, pode-se visualizar as informações concluídas na barra lateral ou no “Painel de conhecimento”, que compensa os resultados da pesquisa.

De modo geral, o Google Knowledge Graph é um “banco de dados gráfico”, como um mapa de dados interconectado com muitos pontos conectados semanticamente.

Pela visão de muitos, esse gráfico de conhecimento é o cruzamento entre uma enciclopédia e um banco de dados. Cada artigo é designado pelos desenvolvedores como “Entidade”, enquanto nos artigos do Google voltados para o cliente é designado como “Tópico”.

Desse modo, um assunto pode possuir um identificador exclusivo, que ocasionalmente pode ser visto nas URLs do Google, como a maioria dos bancos de dados.

Em outras palavras, o Google Knowledge Graph funciona como um mapa mental que combina pesquisa com dados armazenados para encontrar respostas e fatos que são mais relevantes para seu usuário.

o que e google knowledge graph

Existem muitos gráficos de conhecimento no mundo. O gráfico de conhecimento do Google é apenas um. Outros incluem dbpedia.com, Wikidata.org – Foto: Google.

Como o Google Knowledge Graph funciona?

Segundo o Google, o Knowledge Graph, que contém bilhões de fatos sobre pessoas, locais e coisas, às vezes fornece informações aos resultados de pesquisa do Google.

Assim, respostas a questões fatuais como “Qual é a altura da Torre Eiffel?” ou “Onde foram os Jogos Olímpicos de verão de 2016?” são possíveis com o Knowledge Graph. O objetivo é que, quando considerado útil, nossos sistemas descubram e exibam informações fatuais publicamente conhecidas.

Além disso, contém fatos de várias fontes que compilam informações verdadeiras. Além de fontes públicas, licenciamos dados para oferecer informações como preços de ações, previsões meteorológicas e resultados de esportes.

Desse modo, os proprietários de conteúdo nos ofereceram informações diretamente de várias maneiras, incluindo aqueles que sugeriram mudanças nos painéis de conhecimento que reivindicaram.

Você também pode se interessar por:

Como o Google corrige ou remove informações do Knowledge Graph?

O Google processa bilhões de pesquisas todos os dias. Assim, a automação é a única maneira de lidar com o grande número de buscas. Isso significa que melhorar nossos sistemas automatizados, ou seja, nossos algoritmos de busca, é a melhor maneira de aumentar nossos resultados.

Desse modo, os sistemas automaticamente se esforçam para evitar exibir informações que possam violar nossas políticas. No entanto, nenhum sistema é ideal devido à amplitude da pesquisa. É por isso que fornecemos sistemas públicos de relatórios.

O buscador examina os dados coletados por nossos sistemas de denúncia pública para eliminar qualquer conteúdo que viole nossas políticas. Assim, selecionam-se manualmente estas informações, dando maior ênfase àquelas de interesse público, como questões cívicas, médicas, científicas e históricas, bem como aquelas que representam riscos significativos.

Quais são as políticas do Knowledge Graph?

Para garantir que os gráficos de conhecimento e exibições comparáveis sejam uma experiência útil para todos, há sistemas implementados para impedir que qualquer conteúdo viole as políticas gerais da Pesquisa Google ou políticas de recursos da Pesquisa:

  • Anúncios;
  • Práticas enganosas;
  • Conteúdo de assédio;
  • Conteúdo de ódio;
  • Mídia manipulada;
  • Tópicos médicos;
  • Bens regulamentados;
  • Conteúdo sexualmente explícito;
  • Conteúdo terrorista;
  • Violência e violência;
  • Linguagem vulgar e palavrões.

Além disso, as exibições do Knowledge Graph incluem estas políticas de recursos específicas que são aplicáveis:

Informação incorreta

Os dados que são comprovadamente falsos ou não atualizados podem ser removidos por documentos legais, opiniões de especialistas ou outras fontes primárias confiáveis.

Assim, em caso de acusação de indivíduos ou grupos por atos malévolos graves, podemos remover informações apresentadas como verdadeiras, mas sem provas de apoio.

Então, o Google pode se recusar a agir se os fatos forem razoavelmente contestados ou não tiverem evidências suficientes.

Informações não representativas

Assuntos com nomes, títulos, descrições e imagens, apoiados por fortes evidências de que nossos sistemas automatizados não escolheram a melhor seleção

Como aparecer no Knowledge Graph do Google?

Para aparecer no Knowledge Graph do Google, sua entidade (pessoa, local, organização, etc.) deve ser reconhecida e identificada como uma fonte confiável de informações.

Glossário de marketing digital

O Knowledge Graph é alimentado por dados de bases de dados estruturadas, como a Wikipedia, o Wikidata e outras. Assim, para que uma entidade seja exibida no Knowledge Graph, ela deve seguir certas regras:

Tenha uma presença online consistente

Certifique-se de que as informações sobre sua organização estejam disponíveis e consistentes em uma variedade de fontes online, incluindo seu próprio site, perfis de redes sociais, diretórios, enciclopédias e assim por diante.

Registre-se na Wikipedia

O Google reconhece a Wikipedia como uma fonte confiável de informações. Desse modo, você pode criar uma página ou melhorá-la se sua entidade for notável o suficiente. Lembre-se de que a plataforma tem regras específicas sobre notoriedade e conteúdo enciclopédico.

Utilize marcadores de dados estruturados

O uso de marcadores de dados estruturados em seu site pode ajudar o Google a entender melhor as informações, como seu nome, data de nascimento, cargo e localização, entre outras. O uso de esquemas de dados estruturados, como Schema.org, pode ser útil.

Crie conteúdo de alta qualidade

Compartilhe conteúdo de alta qualidade e relevante em seu site, redes sociais e outras plataformas online. Assim, a probabilidade de ser reconhecido como uma fonte de autoridade aumenta com a quantidade de informações valiosas que você oferecer.

Verifique e aprimore sua presença no Google Meu Negócio

É fundamental para sua visibilidade no Knowledge Graph relacionada a buscas locais possuir informações sobre sua empresa no Google Meu Negócio corretas e atualizadas.

Vale ressaltar, que a inclusão no Knowledge Graph do Google depende da notoriedade e relevância de sua organização, bem como da qualidade e consistência das informações disponíveis online.

Além disso, a inclusão no Knowledge Graph é incerta e depende da análise algorítmica do Google. Portanto, para aumentar suas chances de aparecer, concentre-se em fornecer informações precisas e valiosas sobre sua entidade online e siga as melhores práticas de otimização de mecanismo de pesquisa.

Quais são os benefícios do Knowledge Graph?

Ao organizar as informações do mundo por tópico, em vez de rastrear e simplesmente indexar páginas e sites, um mecanismo de pesquisa pode aproveitar vários benefícios. Assim, isso inclui escala, diversidade, integridade da informação e velocidade.

Escalonamento

O número de páginas da web é um assunto muito controverso e, embora muitas pessoas digam que não existem, certamente existem trilhões e estão crescendo em um ritmo acelerado a cada dia.

Por outro lado, o número de tópicos que a humanidade conhece é significativamente menor (talvez sejam centenas de milhares de milhões) e está crescendo em um ritmo inferior.

Desse modo, isso indica que muitos conceitos são duplicados no conteúdo online.

Ao usar uma estrutura semiestruturada para armazenar informações sobre um tema, as informações do mundo ocupam muito menos espaço e são menos duplicadas.

Diversidade de fontes de dados

Ao armazenar informações sobre um assunto, o Google pode citar várias fontes de dados em vez de direcionar os usuários constantemente para uma única página da web.

Isso significa que o Google tem a capacidade de coletar informações significativas sobre um assunto e exibi-las na tela ou por meio de outras mídias de maneira que atenda melhor às necessidades do usuário ou às suas consultas.

Além disso, é possível que outras fontes além da Internet ofereçam informações sobre um determinado assunto.

Integridade das informações

Embora o Knowledge Graph do Google ainda possa conter imprecisões e erros fatuais e possa estar aberto à manipulação por profissionais de SEO ou malfeitores, a abordagem tem a vantagem de fornecer ao buscador um “único ponto de verdade” – pelo menos para tópicos não controversos.

Antes de ser incluído no Knowledge Graph, um fato novo sobre um assunto pode ter que passar por alguns limites de qualidade. No entanto, é improvável que o Google discuta esses limites abertamente.

Por outro lado, se as fontes de dados subjacentes forem tendenciosas, uma única verdade pode reduzir a diversidade da informação e potencialmente criar preconceitos.

Como o Google Knowledge Graph pode auxiliar sua estratégia de negócios?

O Google Knowledge Graph pode ajudar a melhorar an estratégia de negócios, especialmente no que diz respeito à visibilidade online e à credibilidade da marca.

Assim, deu para perceber que ter um blog de sucesso não é uma tarefa simples. É necessário investir tempo, conhecer sobre marketing de conteúdo, rever estratégias, analisar resultados, e muito mais.

Com cada vez mais empresas investindo nesse recurso, ter um conteúdo de qualidade não é a única maneira de superar a concorrência. Por isso, contar com uma solução técnica que te auxilia nas melhores estratégias faz grande diferença no marketing digital.  

Conheça a Opti, a ferramenta especializada em SEO e monitoramento automático de SERP.

Com a Opti, você consegue produzir conteúdo otimizado para algoritmos e pessoas. Afinal, nós te oferecemos diversas vantagens e funcionalidades úteis para sua rotina no mundo do marketing digital, como:

  • Monitoramento automático da SERP;
  • Histórico de ranqueamento de keywords;
  • Análise de SEO integrada ao WordPress;
  • Suporte especializado multicanal e muito mais.

Então, invista agora no seu desempenho em marketing digital com a Opti. Confira todos os recursos da ferramenta e não perca o período de teste grátis.

Esse artigo foi útil?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Como você achou esse post útil...

Let us improve this post!

Lamentamos que este post não tenha sido útil pra você.

Conteúdos relacionados

Supere a concorrência
na SERP do Google

Receba dicas gratuitas de SEO
na sua caixa de entrada!

Como funciona plugin Opti